Dicas para cuidar de sua saúde mental durante a pandemia


Tayane Zillo é psicóloga da Santa Casa de Marília

Estamos vivendo um momento delicado no qual não temos o poder de escolhas devido estarmos submetidos à quarentena. Toda esta situação tem afetado a saúde mental das pessoas, aumentando os níveis de ansiedade, angustia, medo e estresse, por se tratar de fatores desconhecidos e permeados de incertezas, fazendo com que todos se sintam inseguros.

Diante disso, preparei algumas dicas importantes para ajudá-los neste momento de quarentena para amenizar sua ansiedade.


1. Evite bombardeio de informações 
Umas das causas principais da ansiedade é o excesso de informações, que desencadeiam em todos muita angústia e ansiedade, pois a globalização acaba contribuindo para uma pandemia de pânico, gerando medo excessivo nas pessoas, prejudicando assim a saúde mental. Portanto, escolha um momento do seu dia para ler sobre a pandemia, desde que seja de fontes confiáveis.

2. Estabeleça uma rotina 

Estar em casa não significa que seu dia tenha que ser improdutivo. Portanto,     estabeleça um horário para acordar, retire o pijama, tome café da manhã, crie um ambiente confortável para exercer suas atividades de trabalho, afinal você não está de férias.

3. Atividade física

Se possível, procure um horário ao longo do seu dia para praticar algum tipo de atividade física, já que hoje temos acesso à internet, que nos ajuda a desenvolver essas atividades. Procure um espaço e faça o que mais se identifica. Pode ser ioga, alongamento, exercício aeróbico ou de força. O  importante é se movimentar.

4. Utilize a tecnologia para se aproximar das pessoas

Por mais que estejamos vivendo em isolamento social e isso nos deixa frustrados, não podemos deixar de pensar que vivemos na era da tecnologia e ela é capaz de nos ajudar neste momento de solidão e distanciamento. Utilize esta ferramenta para estar próximo, mesmo que virtualmente, dos amigos e familiares. A pandemia do coronavírus tem o poder de aflorar muitos sentimentos negativos (sensação de abandono e rejeição), por isso é crucial de alguma forma estar conectado às pessoas que são importantes para você.

5. Terapia Online  

Neste momento de caos interno e externo, muitos profissionais estão realizando a terapia online (medida recomendada para evitar o contágio) e ao mesmo tempo, cuidar da sua saúde mental. Por isso, caso perceba que os níveis de ansiedade, medo, angustia estejam fora do seu controle, procure ajuda, acredito que você vai se sentir melhor.


Tayane G. Vieira Zillo
CRP 06/103937
Psicóloga da Santa Casa de Marília 






Fonte: Assessoria de Imprensa da Santa Casa
Comentarios do Facebook:



Links Úteis